fbpx
Não há como fugir: uma hora ou outra todo mundo lida com uma desilusão amorosa. Em momentos assim só uma coisa importa: saber como superar o fim de um relacionamento.  É claro que não há receitas nem fórmulas mágicas para fazer tudo desaparecer, muito menos rapidamente.  Na maioria dos casos, os términos deixam uma carga emocional pesada — tristeza, raiva, mágoa… E não importa quem foi o responsável pelo término do relacionamento, isso não ameniza o período “de luto” — principalmente se era uma relação séria ou de longa data. Apesar disso, há atitudes que se pode adotar a fim de tentar descobrir como superar o fim de um relacionamento rapidamente. Temos dicas para ajudar a superar, continue com a leitura!

Como superar o fim de um relacionamento e seguir em frente

mulher triste pelo fim do relacionamentoRelacionamentos chegam ao fim, independentemente se é porque há outra pessoa ou se é por falta de amor (ou qualquer outro motivo). Um coração partido será sempre um coração partido, não importa a razão. Dói? É normal, afinal, somos seres potencialmente emocionais. Na maioria das vezes essa dor se estende por algum tempo. Pode parecer tão difícil passar por essa fase, mas com calma, paciência e algumas dicas, mais cedo ou mais tarde — talvez até antes do que a pessoa imagine — a dor e todos os sentimentos pesados vão embora. Além disso, uma hora, sem que nem perceba, outra pessoa despertá seu interesse. Enquanto isso, siga as dicas!

Como superar o fim de um casamento ou namoro

Quando as pessoas casam ou decidem ter uma vida juntas, elas esperam que seja um relacionamento duradouro, senão para toda a vida. No entanto, nem todos têm essa sorte, apesar de pensarem e planejarem em longo prazo. Acontece que se o planejado não rolou, o relacionamento saiu fora do roteiro criado, o melhor mesmo é cada um seguir seu caminho. Se não se sentirem bem, é o melhor a fazer. Já superar esse término é outra história, ainda mais quando se busca descobrir como superar um término quando ainda se ama a outra pessoa. Em alguns casos é complicado, mas não impossível, certo? O que fazer então? As dicas que daremos a seguir valem também para quem quiser saber como superar o fim de um namoro. Não importa quanto tempo as pessoas ficaram juntas, elas sentirão a avalanche de emoções de um término. Então siga esses passos:

1. Não se entregue à tristeza

É fácil falar, eu sei. Mas é preciso ser forte e não se deixar abater. Faça coisas que você gosta, vá ao cinema, faça um passeio, encontre amigas, saia para dançar... Muitas vezes — ou quase todas — você lembrará de seu ex-companheiro e ficará triste. É bom ficar por um momento, se permita isso, mas depois siga em frente.

2. Dedique-se a uma nova atividade

Quantas coisas você tem vontade de fazer mas fica adiando? O fim do relacionamento pode trazer coisas boas, como a realização de projetos. Quer fazer artesanato? Comece, quem sabe até esse possa ser o primeiro passo de um grande negócio. É sabido que artes manuais relaxam e promovem sensação de bem-estar. Faça tricô, crochê, bonecos de pano, pintura em tela...encontre a sua atividade preferida. Caso não tenha habilidades manuais, não hesite em aprender.

3. Encare a dor

Ela virá com tudo! Em alguns momentos tirará o seu chão. Não fuja disso. Chore, aceite todas as emoções que brotarem e extravase. Quanto mais você encarar esses momentos e se permitir sofrer por alguns minutos ou algumas horas, menos forte a dor virá da próxima vez. E quando você perceber, terá apenas a lembrança de alguns momentos ruins.

4. Fique longe das redes sociais

Pelo menos por um tempo, evite redes sociais. A não ser que você tenha um autocontrole fora do comum e que consiga ficar longe do perfil de seu ex. Se for esse caso, sorte a sua, pois parte do caminho até a superação você já andou. No entanto, se a vontade de ver o que ele anda fazendo, com quem tem saído, se já superou você ou se já tem um novo amor for grande, resista. É pelo seu bem, pela sua saúde mental.

5. Se preciso, busque ajuda profissional

A tristeza que vem com um término pode ser bastante perigosa e caminhar para uma depressão. Por isso, se você sentir que superar sozinha o término está além de suas forças, busque ajuda. Um profissional orientará a superar o término de forma saudável, sem que você se isole ou fique deprimida.  Por isso, inclusive, que criei meu curso Mulheres Bem Amadas, para ajudar também em momentos que elas precisam de força, apoio e suporte.

6. Lembre das coisas boas do relacionamento

Foque no que aconteceu de bom. Faça uma lista e anote o que você ganhou como aprendizado. Você se surpreenderá em ver o quanto desenvolveu e no quanto ganhou de experiências. Para cada coisa ruim que sentir, nos piores momentos, lembre e anote as coisas boas.

7. Promova mudanças em sua vida

Não tenha medo de tomar novos rumos. Mude de casa ou apartamento, mude de bairro ou até mude de cidade, se for o caso e se já era algo que estava nos planos. Às vezes até o emprego já não estava bom, então essa pode ser uma boa hora para tentar algo novo. Outras mudanças podem acontecer em um novo corte de cabelo, uma nova cor, um novo estilo de vestir etc.

8. Cuide de você

Sua saúde física também merecerá atenção especial, principalmente porque términos e chocolates ou outras gulodices têm uma relação muito estreita. Às vezes até a própria tristeza ou estresse podem fazer você comer mais e descuidar da alimentação saudável. Sendo assim, trate de se alimentar saudavelmente e pratique exercícios. Nada de ficar na frente da TV comendo por dias a fio!

9. Busque apoio na família e amigos

Ninguém melhor para dar colo e um ombro amigo do que a família e amigos, não é mesmo? Uma das melhores dicas é essa: fique perto deles. Além de se sentir melhor, eles certamente farão o que puderem para não deixar que a tristeza e o sofrimento tomem conta de você.

10. Não descarte um novo relacionamento

É claro que você não vai se curar de um término se jogando de cabeça em um relacionamento qualquer. Não é justo nem com você nem com a outra pessoa. Entretanto, você também não precisa colocar na cabeça que não vai mais se relacionar e se fechar para novos relacionamentos. Quando estiver preparada, deixe que aconteça. Afinal, amar faz um bem danado! Espero de coração que tenham gostado do post de hoje. Se quiser deixar mais dicas, fazer perguntas ou qualquer outro comentário, se sinta à vontade. Se tiver alguma experiência para nos contar, por favor, compartilhe. Sua história de superação pode ser o diferencial na vida de alguma leitora talvez esteja passando pelos delicados momentos após um término. Beijos! Nos vemos no próximo post!

Sou escritora, com publicações na Europa, Colunista, Life Coach e Consultora de Relacionamento, Sexualidade, Carreira, Palestrante para empresas, universo feminino e casais. Sou ainda orientadora Sexual formada pelo Cesex – filiado a WAS (World Association Sexology), tenho Formação Internacional em Análise Bioenergética (in training).