fbpx
Postado por Selma Arau No comments

É normal as pessoas sentirem ciúme de seu parceiro/a. Alguns, no entanto, dizem não sentir. Por outro lado, outros são extremamente ciumentos e possessivos — e nestes casos é que está o problema. O ciúme obsessivo destrói não só relacionamentos, destrói pessoas. Mas como lidar com isso?

O ciúmes obsessivo leva a rompimentos, mas pode ir muito além disso. A pessoa ciumenta desenvolve uma visão distorcida da realidade e enxerga coisas que não existem — a parceira/o parceiro flertando com outro/a, por exemplo.

Desta forma, o comportamento do ciumento acaba provocando o que ele mais teme: a perda da pessoa que ama.

Mas como evitar? Continue lendo o artigo!

Ciúme obsessivo: como evitar relacionamentos assim

O ciúme obsessivo pode ser um dos sintomas de um relacionamento abusivo. E é assunto sério, por isso, devemos falar sobre o tema.

Esse tipo de ciúme pode surgir tanto no comportamento da mulher quanto do homem. Ele se caracteriza principalmente pelo exagero, por a atenção da pessoa ficar voltada o tempo todo para o parceiro/a.

Um exemplo: o marido que cisma quando a esposa coloca maquiagem para sair. Ele fica imaginando situações diversas — que ela se maquia para outra pessoa, que ela vai a outro lugar e não onde disse que iria, que ela não o ama mais e deve ter outra pessoa… esses pensamento vão se fortalecendo e, para o ciumento, se tornam verdade.

Outro exemplo: o marido comprou um sapato novo para ir ao trabalho. Mas comprou por quê? O outro ainda estava bom, há outros no closet que podem ser usados, está se arrumando para quem? Será que amanhã vai mesmo para o trabalho? E assim por diante…

Como você pode ver são situações comuns que, na cabeça de quem tem ciúme obsessivo, tomam outras proporções.

Optei por abordar as duas situações, do homem e da mulher ciumentos, por dois motivos: se você minha amiga, é a pessoa ciumenta nesse nível, isso não é bom para você. Quando o nível de ciúme é bastante elevado, pode se tornar patológico e é preciso tratamento.

O outro motivo é se você está em uma relação com uma pessoa assim. Caso esteja, precisa rever essa relação a ajudar a pessoa a trabalhar isso e até mesmo fazer um tratamento.

Sintomas de ciúme obsessivo

Dentre os principais sintomas do ciúme obsessivo, podemos citar:

  • medo excessivo de perder a pessoa que ama, a ponto de se sentir mal;
  • implicância e ódio dos colegas e amigos do/a parceiro/a;
  • pensamentos de traição;
  • busca por sinais ou pistas que revelem uma possível traição (inclusive análise do comportamento do/a parceiro/a, em busca de sinais);
  • invasão de privacidade como checar o celular ou emails sem permissão;
  • ligações frequentes para saber o que o outro está fazendo (quando não há resposta o primeiro pensamento é de que está sendo traído/a); e outros.

Tratamento

O ciúme obsessivo é uma doença, não adianta negar. O ideal é que se procure ajuda especializada, como a de um psicólogo ou psiquiatra.

O problema é que o ciumento não acha/percebe que seu comportamento é exagerado. Para ele, é um sentimento normal.

No entanto, deve ser tratado, principalmente porque pode desencadear situações mais sérias, como a de violência doméstica.


1 Comentário

Não há comentários sobre este post ainda. Seja o primeiro!

Deixe um Comentário

Sou escritora, com publicações na Europa, Colunista, Life Coach e Consultora de Relacionamento, Sexualidade, Carreira, Palestrante para empresas, universo feminino e casais. Sou ainda orientadora Sexual formada pelo Cesex – filiado a WAS (World Association Sexology), tenho Formação Internacional em Análise Bioenergética (in training).