fbpx
Postado por Selma Arau No comments

Seja meu último amor, por favor.

Eu não quero acordar ao lado de mais ninguém. Ninguém mais fará um café tão perfeito quanto o seu. Ninguém fará um arroz tão soltinho. Qualquer um, menos você, rolaria nesta cama e acharia ruim os meus terríveis hábitos matinais.

Seja meu último amor, por favor.

Eu não quero passar a tarde com mais ninguém. Ninguém vai entender o quanto eu trabalho muito. Ninguém mais vai compreender a minha necessidade de falar com os animais e abraçar árvores . Ninguém mais vai querer ouvir sobre o meu dia em tantos detalhes. Qualquer um, menos você, me diria “você fala demais”.

Seja meu último amor, por favor.

Eu não quero passar as noites com mais ninguém. Ninguém entenderia minha necessidade de dormir nua e deixar aquela linda lingerie jogada no chão. Ninguém mais vai aceitar o barulho que eu faço para ir ao banheiro de madrugada. Ninguém mais me fará um cafuné tão delicadamente até eu dormir. Qualquer um, menos você, me diria para crescer e deixar esse meu jeito infantil, moleca de ser.

Ninguém vai te amar do jeito que eu te amo. Ninguém vai aceitar os seus problemas ou seu passado da maneira como eu aceitei . Ninguém ficará tão empolgada com seus sonhos, e até com o seu jeito de andar. Qualquer um, menos eu, fugiria, mas meu coração acelera quando eu te vejo, e isso me faz te querer cada vez mais. 

Por favor, seja meu último amor, pois eu quero passar toda a minha vida com você.

 

Gostou do texto? Então compartilhe! Aproveite também para se inscrever na lista de espera do Mulheres Bem e Amadas, o meu curso online que vai te ajudar a se amar mais, aceitar seu corpo, se sentir segura, forte, confortável consigo mesma e feliz sozinha!

Se inscreva na lista de espera clicando aqui. Vou amar tê-la como minha aluna!


1 Comentário

Não há comentários sobre este post ainda. Seja o primeiro!

Deixe um Comentário

Sou escritora, com publicações na Europa, Colunista, Life Coach e Consultora de Relacionamento, Sexualidade, Carreira, Palestrante para empresas, universo feminino e casais. Sou ainda orientadora Sexual formada pelo Cesex – filiado a WAS (World Association Sexology), tenho Formação Internacional em Análise Bioenergética (in training).